sábado, 31 de agosto de 2013

O Melhor Pão de Queijo?


Quando penso em pão de queijo, recordo-me de momentos familiares, encontros, aconchego, abraços, risadas... Bom demais!
Quando penso no melhor pão de queijo que já experimentei, logo me vêm à mente, aqueles preparados pela minha talentosa sogra, Da. Maria do Carmo, e pela minha irmã, cheia de habilidades, Carmélia. Desculpem-me os demais, mas elas conseguem incrementar o pãozinho de tal maneira que a experiência de prová-lo torna-se inesquecível.
Dias desses, perguntei para elas o que acrescentavam no pão de queijo que ficava tão bom daquele jeito. Elas foram unânimes em confidenciar que o segredo estava em usar queijo abundantemente, amassar consistentemente até encontrar a textura certa e carinho, muito carinho... Acho que entendi. Pão de queijo inesquecível é recheado de carinho. Enrolado com cuidado e assado com afeto.
Nos dias de hoje, fazer pão de queijo de verdade leva um tempo que nos é precioso. E olhem, temos os ingredientes ao alcance das mãos! Minhas bisavós teriam que fazer o polvilho, o queijo, para depois, preparar o pão de queijo! Nós encontramos tudo tão pronto, semipronto ou congelado, que não “perdemos” tempo com isso. Nada contra as facilidades da vida contemporânea, mas a questão seria um apelo contrário ao nosso imediatismo constante, assim como a continuidade e valorização de nossas raízes.
Afinal, fazer pão de queijo é tradição em Minas Gerais. Tradições são laços que nos unem enquanto grupo de pessoas, comunidade, em especial, aos nossos antepassados... São práticas, aprendizados, saberes, transmitidos através das gerações.
O preparo da massa de pão de queijo, o enrolar das bolinhas — uma a uma —, a expectativa ao redor da mesa, o café cheiroso no fogão, a conversa solta entre pessoas queridas...   Todos esses singelos detalhes, evocam identidades e familiaridades que eu não gostaria de esquecer. Diversamente, desejo participar dessa “ciranda” e passar esta saborosa tradição adiante!

E você, qual o melhor pão de queijo já experimentou?





                                                                        ***


The Best Brazilian Cheese Bread


When I think about cheese bread, I remember family moments, gatherings, coziness, hugs, laughter... Too good!
When I think about the best cheese bread I have ever tried, soon come to my mind, those prepared by my talented mother-in-law, Maria do Carmo, and the ones made by my all-abilities sister, Carmelia. I apologize to the other ones, but they manage to improve the little bread in such a manner that the experience of trying it becomes unforgettable.
These days, I asked them what they use to add in their cheese bread preparation so they got so yummy... They were unanimous in saying the secret was in using cheese abundantly, kneading the dough consistently to find the right texture and love, lots of love. ... I guess I see it. Unforgettable cheese bread is filled with love. Carefully rolled in and tenderly baked.
Nowadays, making cheese bread from scratch is such a challenge. It takes a time which is precious for us - even though we have all the ingredients at the touch of our hands! My great grandmothers would have to prepare cassava flour, cheese, and then, cheese bread!
We find everything so ready, semi-ready or frozen, that we don’t “waste” our time with it. Nothing against the conveniences of contemporaneous life, but the point would be an appeal against our regular immediacy as well as the continuity and valorization of our roots.  
After all, cheese bread is a tradition in Minas Gerais. Traditions are ties that unify us while a group of people, community, especially, to our ancestors… They consist of practice, learning, knowledge, transmitted through the generations.
Preparing cheese bread dough, making the small balls — one by one —, expectations around the table, smelly coffee at the stove… All these fondly details, evoke identities and familiarities that I wish not to forget. But otherwise, I wish to join this “ciranda” and pass on this delicious tradition!

And you, what is the best cheese bread you have ever tried?


***
Fotos e Texto - Jomara C Ribeiro - Se for reproduzir, favor creditar o blog.
Pictures and Text - Jomara C Ribeiro - If you're willing to reproduce, please quote the blog.

5 comentários:

  1. hum.... deu água na boca!!!
    Na minha casa temos a tradição do biscoito de queijo e tareco (hahaha, feito com maisena).
    Um dia trago pra você de lá!
    beijos
    (gosto muito dos seus escritos!)

    ResponderExcluir
  2. Ei Ângela! Adoro biscoito de queijo e tareco... Rsrsrs
    Por favor, leve pra mim. Quero experimentar os seus! Vou lhe levar uns agrados também!
    Obrigada!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Ah, nada como um pãozinho de queijo caseiro! Se for mineiro então, melhor ainda!

    http://naomemandeflores.com

    ResponderExcluir
  4. Jomara querida,
    saudade do tempo que a gente tinha tempo para fazer coisas gostosas em família...
    adorei o post e fiquei com água na boca...
    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, Maria Carla, nem me fale...
      Muito obrigada pelo comentário. Venha passear aqui em Minas, será muito bom recebê-la e lhe servir um pãozinho de queijo quentinho.

      Excluir